As acções do Millennium bcp escalaram até aos 7%, a recuperarem terreno perdido, com o teste com sucesso ao suporte técnico nos 0,10 euros a despoletar novas entradas no título, segundo operadores.

«Nas últimas sessões, e apesar da tendência positiva dos

mercados, o BCP tem estado mais fraco, tendo testado o suporte nos 10 cêntimos», referiu Gualter Pacheco, trader da Gobulling, no Porto, escreve a Reutars.

«Não há notícias que justifiquem esta forte subida do BCP, é mais técnico, com o facto de não ter ido abaixo dos 10 cêntimos a dar nova confiança para entrar no título. Isso aliado ao momento positivo do mercado», acrescentou.

Foram negociadas 217,3 milhões de acções do BCP, a subirem 4% para 0,1039 euros, tendo tocado o máximo intraday de 0,1072 euros.

Francisco Veiga, trader da Orey iTrade, em Lisboa, explicou à Reuters que «o mercado, neste momento, está a reagir a dois riscos que não se materializaram: a não subida das taxas de juro nos EUA e a vitória do 'não' no referendo na Escócia».

Realçou que são os sectores mais cíclicos, como é o caso da banca, que mais estão a beneficiar deste enquadramento.