A Grécia já começou a reembolsar o empréstimo do Fundo Monetário Internacional, pagando uma primeira tranche de 310 milhões de euros, avança a Reuters.

O crédito do FMI que vence este mês ascende a 1,5 mil milhões de euros.

O governo de Tsipras já garantiu que vai fazer os reembolsos, mas há uma crescente incerteza sobre o estado das Finanças do país, já que a troika congelou os pagamentos enquanto Atenas não termina as reformas que se comprometeu fazer.

​O presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, afirmou esta quinta-feira que o BCE está pronto para restabelecer o regime que permite o refinanciamento dos bancos gregos junto da instituição, mas sob condições, que dizem respeito às reformas prometidas por Atenas em troca do financiamento concedido pelos parceiros europeus.