A taxa de desemprego aumentou para 12,3% em fevereiro, segundo a estimativa provisória do INE. Um valor superior em 0,2 décimas em relação à estimativa definitiva de janeiro, mês em que a taxa estabilizou. 

Estes dados apontam, assim, para que mais 5.500 pessoas tenham ficado sem trabalho no mês passado.

"A estimativa provisória da população desempregada para fevereiro de 2016 foi de 622,2 mil pessoas, o que representa um acréscimo de 0,9% face ao valor definitivo obtido para janeiro de 2016".

Já a população empregada caiu de forma mais significativa: menos 15 mil pessoas do que em janeiro. 

A taxa de desemprego das mulheres (12,2%) foi inferior à dos homens (12,3%) em fevereiro. Face ao mês anterior, ambas as taxas aumentaram 0,1 pontos percentuais.

Quanto à taxa de desemprego dos jovens, ficou em 30,0% e a dos adultos em 10,9%. Ambas aumentaram igualmente 0,1 pontos percentuais no espaço de um mês.