A venda de casas atingiu em novembro de 2013 o nível mais positivo dos últimos três anos, segundo o Portuguese Housing Market Survey (PHMS) hoje divulgado e que tem por base respostas de 150 empresas do setor imobiliário.

Em novembro de 2013 foram registados os níveis mais elevados de venda de casas desde setembro de 2010, quando o inquérito do PHMS teve início.

O PHMS de novembro revelou ainda que as expectativas de vendas para os próximos três meses «aumentarem de forma expressiva» e que o indicador de novas instruções de compra manteve-se positivo pelo quarto mês consecutivo.

O documento regista que os preços das casas continuam em queda, embora a um ritmo mais lento do que o verificado no inicio de 2013.

No arrendamento, novembro mostrou um aumento da procura, acompanhado, porém, de uma queda nas instruções por parte dos proprietários para colocação de casas no mercado.

«As expectativas relativas ao volume de arrendamentos subiram de forma marginal. As rendas continuaram a cair e deverão continuar a cair nos próximos três meses».

O PHMS é um inquérito mensal realizado em parceria entre a Ci - Confidencial Imobiliário e o Royal Institution of Chartered Surveyors (RICS), e assenta num painel de empresas de promoção e mediação imobiliária, cobrindo as as regiões metropolitanas de Lisboa, do Porto e do Algarve.