Os preços de venda de casas, em Portugal Continental, voltaram a descer em setembro, registando uma diminuição mensal de 0,8% e homóloga de 3,9%, segundo o Índice Confidencial Imobiliário, com base em dados de 1.400 mediadoras imobiliárias.

As casas novas foram as que mais desvalorizaram em setembro, mostrando uma queda mensal de 0,9% e uma diminuição homóloga de 3,9%. Nas casas usadas, essas variações foram de -0,7% e -3,9%, respetivamente.

Entre os destaques do índice, na Área Metropolitana do Porto, a tendência acompanhou os números nacionais, com uma baixa mensal de preços de 0,7% e homóloga de -3,3%, mas a nível das casas usadas, a variação mensal foi positiva em 0,6%.

Nos imóveis novos, a desvalorização foi de -2,1%, enquanto em termos homólogos, os preços das casas novas agravaram-se 4,2% face a setembro de 2012 e os custos nas usadas desvalorizaram 2,8%.

Estes dados mostram uma recuperação face à taxa homóloga observada em agosto.

Já no Algarve, os preços das casas subiram em setembro, apresentando uma valorização de 2 % face ao mês anterior.

No caso da habitação nova, essa subida foi de 2,3% e nas usadas de 1,7%.

«Esta performance influenciou positivamente a taxa de variação homóloga, que melhorou no total do mercado, embora mantendo-se em terreno negativo (-2,0%)», lê-se no comunicado que divulgou o último índice.

O índice tem por base o portal LardoceLar.com, que agrega a carteira de mais de 1.400 empresas de mediação imobiliária, numa oferta total acumulada de cerca de 500 mil imóveis.