O setor bancário português já viveu dias piores. Os quatro bancos mais fortes regressaram aos lucros nos primeiros seis meses deste ano. A mudança de cenário foi mesmo muito notória, uma vez que registaram resultados 20 vezes mais altos do que no ano passado.
 
Nos primeiros seis meses do ano passado, os resultados do BCP, BPI, Santander Totta e Caixa Geral de Depósitos (CGD) rondaram os 84 milhões de euros, mas este ano, no total, os lucros dispararam para 468 milhões de euros.
 
O Santander Totta foi o último destes bancos a apresentar as suas contas. O Santander Totta teve lucros de 103,6 milhões de euros no primeiro semestre do ano, um aumento de 29,2% em relação ao período homólogo.
 
Mas para além do Santander Totta, também o BCP e o BPI têm motivos para estarem satisfeitos.
 
O BPI apresentou lucros de 76,2 milhões de euros no primeiro semestre contra prejuízos de 106,6 milhões de euros nos primeiros seis meses do ano passado.
 
Já o Millennium bcp, que no ano passado apresentou 62,2 milhões de euros de prejuízos no primeiro semestre, acabou por recuperar este ano com lucros de 240,7 milhões de euros.
 
Quanto à CGD, os lucros neste primeiro semestre caíram 57% para 47,1 milhões de euros, em relação ao mesmo período do ano passado. Os lucros de 110 milhões em 2014 foram conseguidos através de mais-valias obtidas com a venda da Fidelidade.
 
Quanto à Caixa Geral de Depósitos, os lucros neste primeiro semestre cairam 57% para 47,1 milhões de euros, em relação ao ano passado no mesmo período... os lucros de 110 milhões no ano passado foram conseguidos através de mais valias obtidas com a venda da Fidelidade.