O grupo multinacional de serviços petrolíferos franco-norte-americano Schlumberger anunciou hoje que vai extinguir 9.000 postos de trabalho, ou seja, 7,5% do total dos seus efetivos em todo o mundo, para responder à queda dos preços do petróleo.

Este plano envolve um custo de 296 milhões de dólares (254,6 milhões de euros) ao nível das contas da empresa, segundo um comunicado da empresa hoje divulgado.