"Para o concurso para diretor-geral da Autoridade Tributária e Aduaneira há 20 candidatos e para o de subdiretor-geral há 15 candidatos”.

A Cresap abriu a 22 de abril os concursos para os dois cargos, após o ex-diretor-geral da Autoridade Tributária, António Brigas Afonso, tal como o subdiretor, José Maria Pires, terem deixado os seus cargos na sequência da polémica da chamada ‘lista VIP’.

A questão em torno da alegada existência de uma lista VIP de contribuintes levou o Governo a determinar à Inspeção-Geral de Finaças (IGF) a abertura de um inquérito para averiguar se existe uma bolsa de contribuintes que ao ser consultada fará disparar um alarme informático.