Portugal vai regressar aos mercados na próxima semana para arrecadar até 1.250 milhões de euros em Obrigações do Tesouro a dez anos, anunciou hoje a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP).

O IGCP vai realizar na próxima quarta-feira, dia 08 de novembro, um leilão de Obrigações do Tesouro, com maturidade em 14 de abril de 2027, com um montante indicativo entre os 1.000 milhões e os 1.250 milhões de euros.

No último leilão a 10 anos, que ocorreu em outubro, Portugal colocou 750 milhões de euros a uma taxa de juro de 2,327%, inferior à taxa de juro de 2,785% do leilão comparável anterior (de setembro e com um montante colocado de 850 milhões de euros).

Esta é a segunda vez que Portugal vai aos mercados no último trimestre para obter financiamento de médio prazo.

De acordo com o programa de financiamento do último trimestre deste ano, o IGCP prevê emitir entre 1.250 milhões e 1.500 milhões de euros em Bilhetes do Tesouro (a seis e 12 meses) em novembro.