Já era esperado pelos analistas e aconteceu. O Banco Central Europeu (BCE) manteve inalteradas as taxas de juro de referência na reunião desta quinta-feira.

Após o corte de todas as taxas de juro em março, o BCE não mexe nas taxas e abril e fez o mesmo agora.  Assim, o conselho do banco central decidiu manter a taxa de juro de referência em 0%, a taxa de depósitos negativa em 0,4% e a taxa da facilidade permanente de cedência de liquidez em 0,25%.

A manutenção, nos valores mais baixos de sempre, tal como previam os analistas. Os olhos estão agora voltados para a conferência de imprensa onde o presidente do BCE, Mario Draghi, além de projeções macro económicas, deve explicar as compras de obrigações de empresas e os novos empréstimos de longo prazo à banca (TLTRO II), que arrancam em breve.