A Grécia colocou esta terça-feira 1,3 mil milhões de euros em títulos a três meses a um juro de 3,9%, igual ao pago na emissão precedente do mesmo montante, anunciou a agência da dívida grega (PDMA).

A Grécia está fora dos mercados de venda de dívida pública a longo prazo há três anos, desde a eclosão da crise da dívida em 2010 e, por isso, utiliza estas emissões de curto prazo para financiar os pagamentos mais urgentes.

O governo espera apesar de tudo poder regressar aos mercados com dívida de médio e longo prazo até ao final de 2014, caso o país consiga obter um excedente primário orçamental (exclui o serviço da dívida) e regresse ao crescimento depois seis anos consecutivos de recessão.