Foram retiradas da circulação em Portugal 9250 notas contrafeitas em 2014, o que representa uma redução de cerca de 39% em relação ao período homólogo.

Segundo o Banco de Portugal a nota mais escolhida para a contrafação foi a de 20 euros, representando 51,4% das notas apreendidas, tendência também verificada na área do euro. 

O BdP nota ainda que o número de contrafações apreendidas «é extremamente reduzido» em comparação com as notas genuínas em circulação.

As notas contrafeitas detetadas em Portugal, em 2014, representaram apenas 1,1% das notas contrafeitas apreendidas na área do euro.

«Importa ainda referir que as contrafações detetadas podem ser identificadas sem a utilização de equipamentos auxiliares, recorrendo apenas a uma observação cuidada dos elementos de segurança destinados ao público, através da metodologia Tocar-Observar-Inclinar», recomenda o banco central.
 
.