A Federação Portuguesa do Táxi (FPT) propôs na terça-feira ao Governo a cobrança de um valor mínimo de bandeirada de 10 euros nos feriados e vésperas de Natal e Ano Novo. A federação quer ainda o alargamento da tarifa noturna, praticada nestes dois feriados natalícios, aos dias 24 e 31 de dezembro.

De acordo com o Correio da Manhã, a proposta para a nova tarifa nesta época festiva, apresentada no âmbito da revisão da convenção de preços e entregue ontem à Direção-Geral das Atividades Económicas, visa “compensar a disponibilidade das viaturas”.

Quanto ao alargamento da tarifa dos dois feriados (25 de dezembro e 1 de janeiro) para as respetivas vésperas, trata-se, segundo disse o presidente da FTP ao Correio da Manhã, “de incentivar os profissionais em dias em que a oferta é normalmente reduzida, mas a procura significativa.

Recorde-se que a última revisão do tarifário entrou em vigor a 1 de janeiro de 2013, tendo terminado no dia 31 de dezembro.