Os preços subiram 0,2% em dezembro passado, em termos homólogos, e aumentaram 0,4% face ao mês anterior, divulgou esta segunda-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em novembro de 2013 os preços tinham caído 0,2% em termos homólogos (face ao mesmo mês do ano anterior).

Segundo o INE, excluindo a energia e os bens alimentares não transformados (inflação subjacente), a variação homóloga da inflação foi também de 0,2%, que compara com a variação nula do mês anterior.

O agregado relativo aos produtos energéticos registou uma queda homóloga de -0,6% em dezembro (-1,8% no mês anterior), enquanto o agregado dos produtos alimentares não transformados registou uma taxa de variação homóloga de 0,9% (0,6% em novembro de 2013).

Entre as classes com contribuições positivas para a variação homóloga da inflação, o INE destaca a da saúde, das bebidas alcoólicas e tabaco e dos produtos alimentares e bebidas não alcoólicas.

Já a contribuição negativa «mais expressiva» provém da classe do vestuário e calçado, cujos preços «apresentaram maiores promoções face ao mês homólogo do ano anterior».