O Governo mandou acelerar o pagamento dos reembolsos do IRS para aumentar o rendimento disponível das famílias. O processo deve estar encerrado até 15 de julho.

O ano passado, a conclusão da devolução do imposto só foi concluída a 31 de julho.

De acordo com a edição desta sexta-feira do jornal «Correio da Manhã», a decisão visa aumentar o rendimento disponível das famílias durante as férias e tornar os próximos números da execução orçamental mais exatos.

De acordo com as contas da secretaria de Estado dos Assuntos Fiscais - e quando estamos a 10 dias de terminar a campanha de IRS 2013 - já foram processados reembolsos a mais de 2,2 milhões de famílias, no valor superior a 1,75 mil milhões de euros.