O sorteio de automóveis que o Fisco vai realizar a partir de abril pode render, ao vencedor, 91 mil euros. O «Jornal de Negócios» teve acesso ao diploma das regras do concurso e revela que as Finanças podem vir a realizar 60 sorteios por ano e gastar até dez milhões de euros.

O nome escolhido para o concurso é «A Fatura da Sorte» e a lei deverá ser aprovada quinta-feira em Conselho de Ministros, nota o mesmo jornal.

O sorteio, que vai realizar-se uma vez por semana, arranca já na primeira semana de abril e incide sobre as faturas passadas no início de janeiro.

A imprensa aponta como prémios carros topo de gama, sendo que o prémio nunca deverá ser atribuído em dinheiro. E note-se que o valor em causa já inclui o desconto do Imposto do Selo, feito pela Autoridade Tributária.