O investimento imobiliário atingiu um máximo histórico nos primeiros cinco meses deste ano, registando transações de 800 milhões de euros, a maioria ativos comprados por estrangeiros, revela a consultora Cushman & Wakefield (C&W).

“Um máximo histórico no mercado imobiliário em Portugal, nunca em mais de 15 anos de registo de transações foi atingido no primeiro semestre do ano um valor tão elevado em termos de operações de investimento imobiliário, nem mesmo nos anos de 2006 e 2007, até à data recordes em termos de volume de investimento transacionado”, revela a consultora imobiliária em comunicado divulgado esta segunda-feira.

Este ano, entre janeiro e maio, foram transacionados em Portugal cerca de 800 milhões de euros em ativos de imobiliário comercial, envolvendo mais de 20 ativos e representando um fluxo de capitais estrangeiros a entrarem no país superior a 600 milhões de euros ou representativo de 80% do negócio efetuado.