O incumprimento das famílias e empresas não dá sinais de abrandamento. Segundo dados do Banco de Portugal, no mês de maio o crédito malparado bateu um novo recorde, chegando quase aos 18 mil milhões de euros.

As famílias deixaram de pagar aos bancos 5.262 milhões de euros. Há agora 674 mil famílias com créditos vencidos, sendo que no final do ano passado eram 658 mil.

Já o incumprimento nas empresas ultrapassou os 12.600 milhões de euros. Há quase 100 mil empresas que deixaram de cumprir as suas obrigações com os bancos.