A Comissão Europeia decidiu reduzir as quotas anuais de pesca para 10 Estados-membros, incluindo Portugal, para compensar o excesso de pesca registado em 2013.

A redução das quotas vai ser aplicada aos mesmos stocks cuja captura excedeu as quotas em 2013, incluindo a pesca à arinca, carapau e arenque.

«Se queremos ser sérios na luta contra a sobrepesca, temos de aplicar as regras europeias, o que inclui o respeito pelas quotas», adiantou Maria Damanaki, Comissária Europeia para os Assuntos do Mar e Pescas.

A decisão vai afetar a Dinamarca, Espanha, Reino Unido, França. Bélgica, Grécia, Irlanda, Holanda, Polónia e Portugal.

Nos casos em que um Estado-membro já tenha atingido a quota para este ano, a Comissão reduz a quota para outro stock na mesma área geográfica.

A Comissão Europeia estima a sobrepesca afete 75% dos stocks de peixe da Europa.