A Cofina Media, dona do Correio da Manhã, anunciou que vai descontinuar o jornal gratuito Metro a partir da próxima segunda-feira, 5 de setembro.

"O jornal gratuito Metro, que a Cofina Media, publica desde 2009, vai ser descontinuado", lê-se em comunicado.

A persistente situação anémica na economia nacional tem vindo, desde há vários anos, a afetar de forma muito profunda a imprensa em geral e a imprensa gratuita em particular, sendo este o único fator que motiva a descontinuação deste título"

No entanto, a Cofina Media garante que "continua a manter a sua aposta no segmento da imprensa gratuita através do Destak", um jornal do mesmo género.