O grupo Alibaba teve um lucro líquido de 8.685 milhões de yuans (1.091 milhões de euros) nos primeiros três meses do seu ano fiscal (abril-junho), uma descida de 41% em relação ao mesmo período de 2017.

Em comunicado, a empresa justificou que a diminuição se deveu principalmente ao aumento dos gastos com remunerações de empregados. Excluindo esse impacto, o lucro aumentaria 35%, assegurou.

Segundo a agência EFE, até 30 de junho o gigante chinês de comércio 'online' teve receitas de 80.920 milhões de yuans (10.167 milhões de euros), 61% acima do que tinha alcançado entre abril e junho do ano passado.

A empresa informou ainda que conseguiu atingir 576 milhões de consumidores ativos anuais na China, o que representa um aumento de 24 milhões no último trimestre.