A Infraestruturas de Portugal (IP) vai aumentar em cinco cêntimos 34 das 550 tarifas de portagem das autoestradas que lhe estão concessionadas no próximo ano, adiantou fonte da empresa à agência Lusa.

Numa nota escrita enviada hoje à Lusa, a IP refere que a atualização anual das taxas de portagem, que tem por base a evolução do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), se irá refletir “quase unicamente” nas tarifas aplicadas às classes 2, 3 ou 4.

Segundo esclarece, em 2016 a atualização anual irá representar, em média, um aumento de 0,2% em valor no conjunto das sete concessões ex-SCUT (Algarve, Beiras Litoral e Alta, Beira Interior, Costa de Prata, Interior Norte, Grande Porto, Norte Litoral) e duas concessões de portagem real (Norte e Grande Lisboa).

O ministério do Planeamento e das Infraestruturas tinha anunciado esta terça-feira que o aumento das portagens em 2016 é de 0,05 euros, o que abrange "apenas 10% dos troços das autoestradas portajadas", ficando as taxas dos restantes inalteradas.