O terceiro leilão de eletricidade e gás natural da Deco - Associação de Defesa do Consumidor vai realizar-se a 21 de abril, mas as inscrições online só decorrem até esta sexta-feira, 15 de abril. Desta vez, o leilão terá pela primeira vez a possibilidade de ofertas regionais e para os condomínios.

"A falta de energia do mercado liberalizado leva-nos a organizar um novo leilão", explicou a Deco, que promete ofertas em tarifário simples e bi-horário de eletricidade, gás natural e ainda em contratos duais de energia (eletricidade e gás natural).

O terceiro leilão de energia tem ainda duas novidades: a possibilidade de ofertas regionais, para poderem participar fornecedores de menor dimensão, e um leilão paralelo para os condomínios, porque verificou uma "menor oferta dirigida" a estes espaços.

O que promete então?

“Os melhores preços atuais para dois cenários: os mais baratos, mas com condições associadas (débito direto ou fatura eletrónica, por exemplo), e os tarifários livres destas condições”.

Segundo a associação, considerando uma potência e consumo que abrangem o perfil médio de quase metade dos consumidores portugueses (3,45 kVA - Kilovoltampere e 1700 kWh - quilowatt-hora), a fatura anual é superior a 450 euros para quem ainda não saiu da tarifa regulada.

Condições revistas

Já os comercializadores têm de aceitar que a DECO reveja as condições gerais e particulares dos seus contratos e têm que se comprometer a assegurar níveis de serviço de apoio a clientes e tratamento de reclamações adequados às melhores práticas do mercado, adianta em comunicado.

A Deco assegura aos consumidores que o valor da tarifa fixada no leilão "só poderá mudar na sequência da atualização global e obrigatória das tarifas de acesso às redes, como ocorreu em janeiro deste ano, ou devido a alterações legislativas, como a mudança da taxa de IVA, que sejam repercutidas no preço final pago pelo consumidor".

O primeiro leilão de energia da DECO realizou-se em maio de 2013, tendo-se inscrito 600 mil consumidores. O segundo foi em junho de 2014 e contou com mais de 150 mil inscrições.