A Comissão de Trabalhadores (CT) da Parvalorem colocou a circular uma petição em que solicita a integração dos antigos trabalhadores do BPN na Caixa Geral de Depósitos (CGD).

A CT argumenta que «a difícil situação dos trabalhadores da Parvalorem resulta de um conjunto muito infeliz de acontecimentos que não são da sua responsabilidade».

«A situação atual, como veio recentemente sublinhar o Provedor de Justiça, resulta de um atropelo de direitos que criou um 'imbróglio jurídico', que longe de estar resolvido, prejudica gravemente os trabalhadores da Parvalorem», acrescenta a CT num comunicado enviado às redações.

«O Estado e o seu banco, que tiveram um papel muito relevante em todos estes acontecimentos, devem agora assumir as suas responsabilidades», remata o mesmo documento.