As autoridades sul-coreanas realizaram  buscas na sede da Volkswagen em Seul, esta sexta-feira,  no âmbito da investigação ao escândalo da manipulação de emissões de poluentes, informou um porta-voz do fabricante automóvel alemão.

Os investigadores confiscaram discos rígidos de computadores e documentos depois de buscas na sede em Seul e outros escritórios da Volkswagen na capital sul-coreana, indicou a agência Yonhap.

Residências de funcionários da empresa responsáveis pelo controlo de qualidade também foram visadas pelas operações.