A agência de notação financeira Standard and Poor's (S&P) confirmou esta quinta-feira a classificação máxima de «AAA» da dívida soberana da Alemanha.

Na sua nota, a agência justifica a decisão considerando que o país desfruta de «uma economia amplamente consolidada e competitiva».

«Demonstrou que tem capacidade para suportar golpes económicos e financeiros», adiantou a S&P.

Segundo a agência de rating [avaliação], as perspetivas a longo prazo para a Alemanha continuam a ser estáveis, ou seja não há qualquer risco de uma redução da classificação.