A TAP cancelou esta terça-feira oito voos previstos para quarta e quinta-feira de Lisboa e Porto para França, e de regresso, devido à greve dos controladores aéreos anunciada pela Direção-Geral da Aviação Civil (DGAC) francesa.

De acordo com um comunicado da TAP divulgado na página do facebook da empresa, pelo menos oito voos foram cancelados, sete deles previstos para quarta-feira.

As ligações afetadas estavam previstas entre os aeroportos de Lisboa e do Porto para Orly, e de Lisboa para Lyon, ou de regresso.

Para quinta-feira também foi cancelado um voo da TAP que faria a ligação entre Orly e Lisboa.

A TAP também avisa que a greve - que a DGAC estima que poderá levar ao cancelamento de cerca de 40 por cento dos voos em França na quarta-feira - poderá levar a atrasos noutros voos na Europa.

Contactado pela agência Lusa, o porta-voz da ANA - Aeroportos de Portugal, Rui Oliveira, aconselha os passageiros a «contactar as companhias aéreas para obter a confirmação do voo», ou «consultar as indicações que são colocadas online sobre cancelamentos».

No entanto, segundo o comunicado divulgado hoje pela DGAC, os serviços mínimos poderão permitir que seja assegurado pelo menos 50% do tráfego em França.

O SNCTA, o principal sindicato do setor, apelou a paralisações de 08 a 09 de abril, de 16 a 18 de abril e de 29 de abril a 02 de maio e exige negociações sobre a organização do trabalho e o recuo para os 59 anos da idade limite para a reforma.