O diário «i», o novo jornal do Grupo Lena que chegará ás bancas durante a Primavera, irá adoptar uma fórmula diferente de dividir os temas, com secções com nomes que fogem ao tradicional: Radar, Zoom, Mais e Desporto.

O director do título, Martim Avillez Figueiredo, descreveu a Radar como a «zona chave do projecto», a secção onde o leitor fica a «saber o que se passa» e que remete para a Zoom, onde se poderão «perceber» melhor os temas que o jornal escolhe para desenvolver. «Uma proposta de aprofundamento do que é noticiado no radar».

No interior do jornal a Mais será a secção «para sentir» as tendências mais criativas, onde se tratarão de temas de cultura e entretenimento.

As páginas do i encerram com o Desporto, a única secção com um nome «tradicional».

Além do jornal em papel, o i vai apostar no online, com um site e páginas em várias redes sociais como o twitter e o small world. «Vamos ter twitter e small world para dinamizar a dimensão online que está a crescer», disse Martim Avillez Figueiredo, acrescentando que o site do i «não é um site de breaking news» e é o «único domínio online com seis homepages».

Na apresentação do novo projecto a todos os trabalhadores feita segunda-feira, Francisco Santos, administrador da Sojormedia, holding de comunicação social do grupo Lena, afirmou ser esta a altura certa para preencher um espaço que pensa estar vago: «É a altura certa para lançar uma nova marca de informação, para um tempo novo. Olhamos para as bancas de jornais e percebemos porque é que faz sentido um novo projecto».

O novo jornal pretende ser «um órgão de informação moderno, objectivo, voltado para as classes A, B e C+», ou seja, as altas e médias-altas.