Filipe Albuquerque e João Barbosa terminaram a ronda de Road América do IMSA SportsCar Championship na sétima posição, depois de terem estado durante grande parte da corrida nos lugares do pódio.

A dupla portuguesa ocupava a 30 minutos do final da corrida a segunda posição, numa altura em que Filipe Albuquerque estava aos comandos do Cadillac da Action Express, mas o último 'pit-stop' acabou por comprometer o resultado, já que Albuquerque ao regressar à pista deparou-se com os carros mais lentos e demorou muito tempo a ultrapassá-los e como tal, a recuperar as necessárias posições para, pelo menos para terminar nos lugares do pódio.

Um desfecho inglório para Filipe Albuquerque e João Barbosa que não esconderam a frustração pelo sétimo lugar alcançado: "No início correu tudo bem e o carro estava bastante bom. Recuperei até ao segundo lugar e acreditava que um lugar no pódio seria mais que merecido. O último 'pit-stop' não aconteceu na melhor altura. Quando regressei à pista estava no meio dos GT e perdi muito tempo a passá-los. Para além disso o carro começou a fugir bastante de frente e foi uma meia hora muito complicada. Tentei tudo o que podia mas já nada havia a fazer. Acabei a prova muito desiludido e frustrado. Não era este o resultado que esperávamos nem o que precisámos. Mas vamos continuar na luta. O Campeonato decide-se no final e até lá há muito para fazer", explicou Filipe Albuquerque.