Julia Louis-Dreyfus revelou, na quinta-feira, através do Twitter, que lhe foi diagnosticado cancro da mama.

Uma em cada oito mulheres tem cancro da mama. Hoje, eu sou uma delas. A boa notícia é que tenho familiares e amigos maravilhosos e um ótimo plano de saúde. A má é que nem todas as mulheres têm a mesma sorte, por isso vamos lutar contra todos os cancros e fazer da saúde universal uma realidade”, escreveu.

 

Depois da revelação, a atriz americana, que ficou conhecida, nos anos 90, ao interpretar a série de humor “Seinfield” e que atualmente protagoniza “Veep”, recebeu o apoio dos fãs e colegas.

No início do mês de setembro, Julia Louis-Dreyfus bateu o recorde do maior número de Emmys recebidos por um ator com um único papel.

A HBO disse à CNN que a atriz de 56 anos recebeu o diagnóstico no dia seguinte à sua vitória histórica nos Emmys.

O estado de saúde de Julia Louis-Dreyfus não influenciou a decisão do canal de televisão de terminar a série de sátira política “Veep” no próximo ano, sendo a sétima temporada a última.

O nosso amor e apoio vão para a Julia e a família dela neste momento. Acreditamos que ela vai conseguir ultrapassar isto, com a sua habitual tenacidade e espírito indomável e esperamos que volte saudável para a última temporada de ‘Veep’”, disse o canal, através de um comunicado.