A estreia do filme «Relatos Selvagens» («Wild Tales»)​ perturbou o Reino Unido. As semelhanças entre a história contada no filme argentino candidato ao Óscar de Melhor Filme Estrangeiro e o acidente da Germanwings da passada sexta-feira foram criticadas por quem assistiu à longa metragem. 



No filme de Damián Szifrón, que estreou em Portugal a 19 de fevereiro, um passageiro fecha-se na cabine do avião e faz cair o aparelho, matando todos os que vão a bordo. No acidente da Germanwings, foi o copiloto que se trancou no cockpit e despenhou o avião nos Alpes.

A estreia do filme no Reino Unido aconteceu na semana passada, no meio de protestos por causa do acidente com o A320m, e obrigou a  cadeia de cinemas Curzon a emitir um aviso sobre o conteúdo do filme.

«Na sequência do acidente com o voo da Germanwings de terça-feira, 24 de março, tenha em atenção que “Wild Tales” contém uma sequência que pode perturbar alguns clientes».

 
Na descrição do filme pode ler-se que este fala sobe pessoas «vulneráveis face a uma realidade em permanente mudança e que por vezes dá reviravoltas inesperadas».