O produtor, Paulo Branco, estará esta semana no Brasil, para marcar presença na homenagem que o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) tem preparada para si.

O português vai estar, esta quinta-feira, no CCBB do Rio de Janeiro, a participar numa «Masterclass». Nos dias, sete e oito de março, irá comparecer no CCBB de Brasília e São Paulo, respetivamente, onde será o protagonista de duas conversas com o público.



Ao longo do seu percurso, Paulo Branco já produziu mais de 250 filmes, afirmando-se como um dos mais importantes produtores de cinema independente em todo o mundo. Mais recentemente, dois dos seus filmes estiveram nomeados nos principais festivais internacionais: Cosmopolis, de David Cronenberg, em Cannes, e Linhas de Wellington, de Valeria Sarmiento, em Veneza.

Os filmes, do primeiro vencedor do Prémio Raimond Rezzonico, atribuído, em 2002, pelo Festival Delocarno, serão exibidos em Brasília até ao dia nove de março, e 16 em São Paulo.