Debate Passos vs Costa

AO MINUTO: frente-a-frente nas rádios Antena 1, TSF e Renascença entre os candidatos a primeiro-ministro da coligação Portugal à Frente e do PS
17 Setembro 2015
13:54
13:39
13:20
13:17
 

Pedro Passos Coelho fala em exclusivo para as Redes Sociais após o debate de hoje das rádios >> “Este debate mostrou bem...

Posted by Portugal À Frente on Quinta-feira, 17 de Setembro de 2015
13:10
13:07
Comentadora da TVI, Constança Cunha e Sá, considera que Passos Coelho esteve "melhor" no debate das rádios.

"Mudou radicalmente a estratégia. O nome de José Sócrates tinha sido usado 12 vezes no debate anterior, desta vez não foi utilizado uma única vez. Vimos um Passos Coelho mais ao ataque, mais enérgico, mais combativo".
13:04
VÍDEO

Passos Coelho ganhou "confortavelmente" segundo debate com António Costa

Comentador da TVI24, David Dinis, diz que o segundo debate entre os dois candidatos às legislativas foi "inverso ao primeiro", com o primerio-ministro "mais assertivo" e o líder socialista "mais defensivo"
17 set 2015, 12:46
13:04
13:02
13:00
13:00
12:58
12:56
12:55
12:46
12:36
A SUA OPINIÃO

Quem ganhou o debate?

  •  47%
  •  53%
12:31
12:31
VÍDEO

Passos desafia Costa a discutir reforma das pensões "quer ganhe quer perca"

António Costa diz que recusa negociar com coligação enquanto em cima da mesa estiver uma proposta de corte de 600 milhões de euros
17 set 2015, 12:20
12:25

Argumentos finais de Passos Coelho

"O país conseguiu ultrapassar as graves dificuldades que enfrentou porque o país se mobilizou para que isso acontecesse. O Governo foi muito determinado [e] creio que os portugueses sabem que quando recebemos o país na pré-bancarrota e promessa de recessão económica enfrentávamos o maior desafio de qualquer Governo dos últimos 41 anos de democracia. (...) A economia está a crescer, estamos a criar emprego, o que precisamos agora é de dar estabilidade e confiança para futuro. (...) Podemos crescer e podemos ser um país mais próspero e com menos desigualdades"
12:21

Argumentos finais de António Costa

"Ficou claro que Passos Coelho está refém do seu passado. (...) O PS apresenta-se com uma equipa renovada, um conjunto de compromissos feitos e com contas feitas. Com três diferenças em relação à coligação:
-Reforçar o rendimento das famílias, criar condições para o investimento das empresas e apostar tudo por tudo na criação de emprego;
-A compreensão que a competitividade se ganha investindo na inovação e não no empobrecimento e precarização;
-E a ideia que é fundamental defendermos os serviços sociais."