O Presidente da Câmara de Murray, Dan Snarr, do estado do Utah, nos Estados Unidos da América, deixou os 18 centímetros do seu bigode à mercê dos residentes daquela localidade.

Durante um desfile, que assinalou as comemorações do dia 4 de julho, na última quarta-feira, os moradores dos subúrbios de Salt Lake City votaram se o presidente deve ou não raspar o bigode.

De acordo com a agência noticiosa «AP», os resultados das votações estão prestes a serem divulgados.

A mulher de Snarr, April, quer o marido raspe o bigode, porque, diz ela, pica-lhe nos olhos e faz com que ele perca toda a credibilidade. Porém, Snarr explicou que o bigode faz parte de sua identidade.

A última vez que o presidente raspou o bigode foi em 2009, cujo o objetivo era angariar dinheiro para um hospital infantil.