Maya Donnelly, que vive na cidade de Nogales, no Arizona, perto da fronteira entre os Estados Unidos e o México, acordou de madrugada, no último dia 8 de setembro, com um estrondo enorme. Quando se levantou, deparou-se com pedaços de madeira espalhados pelo quintal e um embrulho envolto em plástico em cima daquilo que era a casota do cão da casa.
 
Maya chamou as autoridades que concluíram tratar-se de um fardo de marijuana, com cerca de 12 quilos. A droga terá caído de um drone ou de um avião que estariam a ser usados para o tráfico.
 
“Definitivamente, alguém cometeu um erro”, disse Derek Arnson, chefe da polícia de Nogales, sublinhando que é a primeira vez que, no seu mandato de três anos, um pacote de droga atinge uma casa.
 
Além da casota do cão, a droga provocou ainda danos na casa da família. Os prejuízos ascendem a quase 500 euros.
 
A droga está agora sob custódia policial. As autoridades reforçaram as patrulhas no bairro para a eventualidade de os traficantes tentarem reaver o produto.