Era suposto correrem uma meia-maratona (21,1 km), mas os participantes desta prova acabaram por correr mais seis quilómetros e meio. Aconteceu no passado domingo em Banguecoque, na Tailândia, e a organização da corrida já veio a público pedir desculpas por ter feito mal as contas.

O erro foi descoberto pelos corredores que utilizaram pedómetros durante a prova, depois de os seus aparelhos registarem uma corrida 27,6 quilómetros.
 

“O nosso staff marcou sem querer uma curva em U no percurso, o que adicionou mais seis quilómetros. Admitimos o nosso erro e pedimos desculpa. Os nossos colaboradores trabalharam arduamente, mas enganaram-se.”


A organização disse ainda que os participantes iriam receber uma t-shirt especial, como forma de compensar o seu esforço.

Segundo a agência  AFP, o prémio não agradou a muitos dos participantes, que reclamaram diretamente na página do Facebook da Associação Nacional de Jogging da Tailândia (NJAT).
 

“Será que vou recuperar da dor na minha perna quando usar a t-shirt?”


Outro corredor foi mais duro nas críticas, dizendo que o que aconteceu era "uma vergonha para o país".

A NJAT acrescentou, ainda, que o "incidente não deveria ter acontecido" e que "servirá de lição no futuro".