O fenómeno, que muitos banhistas disseram assemelhar-se a uma “onda nos céus”, é cientificamente apelidado de shelf cloud, uma formação que costuma anteceder as grandes tempestades.

Os avistamentos ocorreram antes de começar a chover na cidade e do instituto de meteorologia ter emitido um alerta, informando a população para precaver-se de uma tempestade, que atingiu Sidney a meio da tarde. De acordo com a CNN, o alerta incluía a possibilidade de trovoadas.

 

“Ao andar em direção à praia, parecia-me uma grande onda que vinha do oceano e que preparava-se para inundar a praia. As pessoas estavam a correr pelas ruas para captar imagens da incrível formação de nuvens”, contou uma banhista, à CNN.

 Will Reid, um realizador de documentários, estava na zona e acabou por filmar o momento e partilhá-lo no Twitter.

 

 

“Estava uma manhã bonita e, de repente, o oceano ficou de uma cor azul muito clara, que contrastava com o céu, que começou a tornar-se negro. As pessoas começaram a correr pelo penhasco para tirar fotos… depois começou a ficar muito abafado e o vento tornou-se quente”, disse uma mulher, em entrevista à CNN. “Eu vi a chuva, à distância, e toda a gente à minha volta e toda a gente começou a correr para sair da praia”.