Uma pitão com 2,5 metros comeu um pequeno Chihuahua-maltês que estava acorrentado num quintal em Nova Gales do Sul, Austrália.

O animal estava preso à casota e quando a dona se dirigiu ao local para soltar o cão, no seu lugar encontrou a pitão, com a corrente a sair pela boca, e com um «alto» a meio do corpo.

Profissionais da associação de vida selvagem WIRES (Wildlife Information Rescue and Education Service) foram chamados ao local, mas já não conseguiram salvar o Chihuahua.

A cobra, que se pensa ter cerca de 50 anos, também não sairá ilesa, pois o mais provável é precisar de uma intervenção cirúrgica para remover a corrente de dentro do corpo. No entanto, só quando o cão for completamente digerido.

Segundo a Sky News, a dona do animal admitiu que tinha feito um «erro terrível», mas que nunca havia pensado na «possibilidade de uma cobra atacar o cão».