Depois de um pescador dinamarquês ter encontrado um peixe Pacu entre as enguias que tinha recolhido do mar, um professor do Museu de História Natural de Copenhaga veio afirmar que os nadadores só são atacados pelo animal caso ele confunda os testículos com nozes, o seu alimento favorito.

De acordo com a CNN, quando o professor Peter Rask Moller disse para os banhistas e nadadores terem cuidado ao entrarem nas águas, não passava de uma piada que acabou por se alastrar como um aviso emergente.

Contudo, na quarta-feira Moller enviou um e-mail à CNN afirmando que «era uma piada, a partir do momento em que é muito pouco provável que se encontre um desses peixes e que ele efetivamente morda».

Encontrar um pacu, frequentemente visto nos mares sul-americanos, é relativamente difícil nas águas do norte.

William Fink, um curador e pesquisador de piranhas na Universidade de Michigan, diz que o animal é vegetariano. «Eles alimentam-se de frutas. Aqueles grandes dentes que têm servem para partir sementes», afirmou.

Moller disse que apenas quis publicitar a descoberta surpreendente deste peixe no Báltico. «A história dos testículos não era para ser sublinhada. Mas atraiu a atenção das pessoas. Peço desculpa se isso trouxe alguns problemas. Era uma piada, mas ainda assim vou manter os meus calções de banho bem apertados», concluiu o professor.