«Quando fui para me curvar, ouvi um barulho e acabei a tentar arrancar as calças o mais depressa possível para impedir o iPhone de me queimar», afirma Johnson que havia comprado o telemóvel da Apple no ano passado.