Robin Sandusky, de 31 anos, escolheu o restaurante «Guy & Gallard», em Nova Iorque, para almoçar com o namorado e nem queria acreditar quando encontrou uma cabeça de lagarto na sua salada.

«Fiquei enojada. Pensei que era um pedaço de espargo, mas depois vi um olho» explicou a mulher ao jornal «New York Daily News».

Já o namorado, Johnny Pomatto, ironizou. «Isto é o suficiente para garantir que nunca mais comerei salada. É bom para usar como desculpa», escreveu o americano na sua página de Facebook.

Na rede social, Pomatto postou ainda a foto que mostra a cabeça do animal no garfo da namorada.

Através de um comunicado, o diretor da empresa «Guy & Gallard», Jason Jeffreies explicou que recebem «constantemente boas notas na inspeção dos alimentos» e que o caso está a ser investigado.

Depois do incidente, o casal pediu o dinheiro de volta e apesar de o gerente do restaurante ter afirmado que não tinha encontrado a cabeça de lagarto, reembolsou os clientes.