Depois do desafio do balde de gelo, que angariou fundos para a Associação americana de Esclerose Lateral Amiotrófica, chegou um novo desafio cujo objetivo é, também, uma chamada de atenção. Alertar para sofrimento e falta de acompanhamento dos veteranos das forças armadas norte-americanas é a causa do “22push-ups Challenge”.

O nome desta campanha provém de um estudo, publicado em 2012 pelo departamento de veteranos das forças armadas, onde se estima que, em média, 22 ex-militares põem termo à vida todos os dias.

O desafio é simples: quem estiver disposto a fazer 22 flexões por dia, deve gravar um vídeo enquanto faz o exercício e, posteriormente, publicá-lo na internet com uma mensagem de alerta em relação aos problemas com que os veteranos se deparam quando regressam de conflitos armados.

O grupo “22-Kill”, criador do desafio, sublinhou a importância de todas as pessoas se associarem a esta causa, sendo que o dinheiro angariado com as doações reverterá na totalidade para organizações que providenciam programas de apoio aos veteranos e familiares.

As publicações nas redes sociais vão-se multiplicando de dia para dia.

O ator Dwayne Johnson foi dos primeiros a aderir à campanha, que já foi repercutida por outras celebridades norte-americanas.