Para muitas pessoas, utilizar os «pauzinhos» para comida chinesa ou japonesa, ao degustar comida oriental, é um verdadeiro desafio. Mas, mãos mais habilidosas, podem fazer muito mais com esses pauzinhos do que apenas comer sushis e sashimis. Na China, por exemplo, há quem utilize a versão local dos talheres para roubar.

Um vídeo postado no Youtube mostra um carteirista em ação numa loja de roupas. Enquanto várias pessoas olham para as roupas penduradas nos cabides, o larápio usa os pauzinhos para, sem que a vítima perceba, lhe retirar o telemóvel da mala, e nem mesmo a circulação de outras pessoas intimida o ladrão. Em seguida, o homem afasta-se e vai-se embora de forma discreta.

As autoridades chinesas terão muito trabalho, caso queiram reprimir este tipo de crime em todo o país. Os carteiristas ampliaram a área de atuação e têm-se especializado no uso de pauzinhos, vasculhando graciosamente em bolsos de camisas, casacos e calças e retirando de lá um bem precioso, como se não fosse mais do que arroz numa tijela. É preciso muita habilidade para mexer no bolso de alguém sem que a pessoa perceba, mas fazê-lo com pauzinhos chega a ser épico.



E não é tarefa para amadores. Um outro vídeo mostra diversos furtos cometidos com «pauzinhos» nas ruas chinesas por um mesmo gangue, que em poucos minutos consegue roubar vários telemóveis. E se há quem provalmente lamente os roubos, também haverá quem se espante com a técnica dos ladrões.