Um turista britânico que passava férias em Itália captou o momento em que um carro começou a derreter por causa do calor. O vídeo mostra os estragos provocados na viatura, que esteve estacionada alguns dias perto da praia.

A onda de calor que está a assolar a costa italiana já provocou a morte de mais de 100 pessoas e continua a fazer estragos. Desta vez, os efeitos do sol abrasador puderam ser vistos num carro que cujas peças começaram a derreter e, literalmente, pingar para a estrada.

De acordo com John Westbrook, um taxista inglês que estava a passar férias em Caorle, no norte de Itália, e filmou o Renault Megane a desfazer-se por causa do calor, as temperaturas rondavam os 37 graus naquele momento. O carro já estava estacionado perto da praia há alguns dias e a cor escura terá retido o calor.

O vídeo mostra que até as luzes e o espelho da viatura acabaram por derreter.



(Fonte: Daily Mail)

“O carro estava estacionado paralelamente à praia e já lá estava há alguns dias. Foi puramente o calor do sol a bater-lhe que o fez derreter”, contou o taxista em entrevista ao Daily Mail. “Nem acreditávamos naquilo que estávamos a ver. Até pedaços do para-choques estavam a começar a desprender-se”.


O incidente está a relembrar os cuidados necessários a ter durante esta estação. As temperaturas elevadas que se têm feito sentir em Itália nas últimas semanas já vitimaram 140 idosos nos primeiros 10 dias de julho. Os termómetros não têm descido dos 30 graus, o que fez com que as autoridades avisassem os turistas para tomar precauções e até foram instalados sistemas de ar condicionado para os animais nas quintas.