Uma atriz chinesa submeteu-se à análise de especialistas para comprovar que a sua beleza era genuína. Angelababy processou uma clínica de cosmética por ter alegado que a artista tinha modificado as feições, através de cirurgias.

Angelababy, cujo verdadeiro nome é Yeung Wing, colocou a clínica Ruili in Beijing em tribunal e exigiu 39.000 euros de indemnização, por difamação, depois dos médicos terem afirmado que tinha feito várias operações plásticas.

A atriz afirmou que as suas feições eram naturais e que se deviam à ascendência europeia, uma vez que a avó era alemã.

De acordo com o "The Independent", Angelababy submeteu-se a vários testes de especialistas, incluindo raio-X, para provar que nunca tinha feito qualquer cirurgia na cara.

A equipa de médicos responsável pelos testes já veio confirmar que a beleza da atriz é completamente natural.
 

“A cabeça e as feições faciais de Angelababy não têm quaisquer sinais de incisão”, declarou Qi Zuoliang, porta-voz do hospital.


O marido da atriz, o ator Huang Xiaoming desmentiu os rumores que afirmava que a esposa tinha feito cirurgias para alterar o seu aspeto, dizendo que “às vezes ela até está bastante feia”.