Dois namorados separados durante a Segunda Guerra Mundial voltaram a reencontrar-se ao fim de 71 anos. Norwood Thomas, um soldado de Virginia Beach, nos Estados Unidos, reencontrou recentemente o seu primeiro amor, Joyce Durrant, segundo noticia a ABC News.

O reencontro de ambos aconteceu recentemente através de um telefonema via Skype. A conversa durou mais de uma hora. O soldado afirma que vai manter contacto com Joyce e que gostaria de encontrar-se com ela pessoalmente.

"A primeira coisa que eu faria? Bem, dava-lhe um abraço".


Norwood Thomas, agora com 93 anos, conheceu Joyce Durrant nos arredores de Londres, na primavera de 1944. Na altura, ele tinha apenas 21 anos e Durrant 17.
 

"Acho que me apaixonei pela forma que ela sorria”.


Foto/Reprodução: ABC News



Em junho desse ano, pouco depois de começarem a namorar, Thomas foi forçado a deixar o país e ir para a batalha da Normandia, em França.

Quando regressou do campo de batalha, Thomas voltou para os Estados Unidos e foi mantendo contato com Joyce Durrant.
 

"A minha memória é muito fraca, mas eu lembro-me que, depois de a guerra acabar e eu voltar para os EUA, nós trocamos correspondência através de cartas por algum tempo e eu enviei-lhe alguns presentes”.


O soldado conta que pediu à amada para se casar com ele e ir morar para os EUA, mas ela negou, por estar a
começar a formação de enfermeira.

Os anos passaram-se e o ex-soldado acabou por se casar com outra mulher. No entanto, depois de 56 anos de casamento, a mulher faleceu, em 2001, devido a um linfoma, e Thomas voltou a recordar a juventude e o antigo amor com Joyce.
 

“Ela surgia sempre como uma memória agradável e afinal ela também tinha pensado em mim ao longo deste tempo”.