Um arquiteto norte-americano processou a ex-namorada por difamação após esta criar vários blogues onde faz graves acusações e escreve, entre outras coisas, que ele tem um «micropénis». Louise Silberling, editora de uma revista de filosofia da Universidade de Cornell, e John Wender, um arquiteto nova-iorquino conheceram-se online em Março de 2011. Saíram três vezes e a relação não avançou.

Cerca de um ano depois, esta resolveu criar dois blogues, intitulados «Truth about John Wender» («A verdade sobre John Wender») e «John Wender liar» (John Wender mentiroso), onde descreve o seu ex como «sociopata, narcisista e violento». Diz ainda que ele tem fetiches sexuais estranhos e um «micropénis», escreve o jornal «New York Daily News» que teve acesso ao processo judicial.

Alegando «danos irreparáveis», John Wender processou a ex-namorada e exige 1,25 milhões de dólares (930 mil euros). » só tivemos três encontros. Isto afetou a minha vida e dos meus filhos. Ela é louca», afirmou o arquiteto ao jornalista do «New York Daily News».

Já Louise Silberling ficou surpresa com o processo judicial e garantiu que «qualquer acusação contra si será falsa».