Os caracóis já foram considerados «pragas», mas hoje são usados na alimentação e na produção de cosméticos. Agora, também são usados vivos num tratamento de rosto muito pouco convencional. O serviço foi disponibilizado por um centro de estética em Tóquio, no Japão.

O tratamento, que tem sido notícia a nível internacional, consiste no uso de caracóis vivos colocados no rosto dos clientes. Em busca de «um milagre», muitos aceitam que estes pequenos moluscos caminhem pela sua cara.



Em relação aos efeitos produzidos, o segredo, segundo os proprietários do salão está numa substancia que os caracóis produzem, uma espécie de «muco» que contêm proteínas, antioxidantes e ácido hialurónico, que ajudam a pele a reter a humidade, reduzir a inflamação e remover as células mortas.

Quanto ao preço, um tratamento de uma hora pode chegar aos 185 euros, escreve o «Huffington Post».