Valery Spi-ri-donov é o paciente russo que se ofereceu como voluntário para ser a primeira pessoa a ser submetido a um transplante da cabeça. Valery sofre de atrofia muscular genética e diz estar confiante no êxito da operação e confessa que, se tudo correr bem, vai voltar a ser um homem normal, de corpo inteiro.
 
Sérgio Canavero é o neurocirurgião italiano que quer ser o primeiro médico, em todo o mundo, a transplantar a cabeça de um ser humano.
 
Médico fez o polémico anúncio deste transplante em abril passado e desde então, a comunidade médica tem mostrado muitas reticências, como, por exemplo, Anzor Khu-bu-tia, diretor do hospital de emergência, em Moscovo. Numa entrevista à agência Tass, deixa vários alertas. Desde logo, a regeneração da coluna vertebral que, em sua opinião, continua a ser um obstáculo neste tipo de cirurgia. E remata com mais críticas: são absolutamente "imprudentes" os planos para realizar o primeiro transplante de cabeça humana, da história. O médico russo conclui que até "pode ser possível no futuro, mas é difícil falar sobre transplante de cabeça antes de viabilizar a regeneração da coluna vertebral”.