O projeto «Mars One», que pretende enviar quatro pessoas a viajar para Marte, já conta com mais de 200 mil inscritos.

O objetivo do projeto é formar um grupo de quatro astronautas que serão enviados em 2025 para Marte e viverão num piso assente em energia solar e com os elementos necessários para a sua sobrevivência.

Os cientistas terão agora de escolher os futuros quatro astronautas dentro dos 200 mil concorrentes.

Pensa-se que em 2015 já estarão formadas 16 equipas de quatro pessoas, para se poder dar início aos treinos, que durarão cerca de sete anos.

De acordo com a CNN, o regresso é impossível a nível económico e tecnológico, uma vez que se calcula que o projeto tenha um custo de 4,6 mil milhões de euros.

Mas o facto de se tratar de uma viagem sem regresso não tem impedido as pessoas de aderirem a este novo projeto e muitos são os que anseiam pela experiência.